Cerca de 3,5 milhões de beneficiários do auxílio emergencial e do auxílio emergencial extensão nascidos em outubro poderão sacar a última parcela do benefício a partir desta sexta-feira (22). Eles poderão sacar ou transferir os recursos da conta poupança social digital. Foram creditados cerca de R$ 2,4 bilhões para esses públicos nos ciclos 5 e 6 de pagamentos. Desse total, cerca de R$ 2,2 bilhões são referentes às parcelas do auxílio emergencial extensão e o restante, cerca de R$ 200 milhões, às parcelas do auxílio emergencial.


Com o crescente número de denúncias de pessoas tomando a vacina contra a Covid-19 de forma irregular, o Ministério Público Federal (MPF) reforçou os canais para o recebimento de denúncias. Isso pode ser feito pelo celular, ao baixar o aplicativo MPF Serviços, ou cadastrar a denúncia diretamente na Sala de Atendimento ao Cidadão.


Nesta sexta-feira (22) a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), vai realizar uma reunião da Diretoria Colegiada para decidir sobre a liberação do uso emergencial de mais 4,8 milhões de doses da CoronaVac. O pedido foi feito pelo Instituto Butantan na última segunda-feira (18). Caso seja aprovada, esta será a segunda autorização da Anvisa para a vacina. A reunião irá ocorrer a partir das 15h. No último domingo (17), o grupo de especialistas da Anvisa liberou as primeiras 6 milhões de doses da CoronaVac que já haviam chegado prontas da China.


Uma confusão na porta do Hospital da Chapada, em Itaberaba, impediu a vacinação de profissionais de saúde da unidade, prevista para acontecer nesta quinta-feira (21). O diretor do HC Nadson Pedreira e a gerente da Vigilância em Saúde do município Aline Barros Negrão Oliveira bateram boca na frente do hospital. Ele impediu o acesso da equipe à unidade, alegando que apenas uma parte dos funcionários constavam numa lista para serem vacinados.


O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) apresentou denúncia à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) contra a atuação do governo federal no combate à pandemia da Covid-19. Em petição assinada pelo presidente Felipe Santa Cruz, a autarquia solicitou a apuração de atos do Estado brasileiro contrários aos direitos humanos em meio à crise sanitária. De acordo com a OAB, a União violou artigos da Convenção Americana de Direitos Humanos ao, por exemplo, omitir-se da resolução do colapso do sistema de saúde, especialmente em Manaus.


Os primeiros lotes da CoronaVac que chegaram à Bahia deveriam vacinar apenas profissionais da saúde na linha de frente do combate à Covid-19 e idosos que vivam em casa de repouso, porém, algumas cidades já enfrentam irregularidades na vacinação. Em Vitória da Conquista, a 707 km de Salvador, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) notou que alguns trabalhadores têm tomado a dose irregularmente.


Foto: © Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Leitor de tela, redação em braile e correção especial das provas de participantes autistas e surdocegos são algumas das novidades do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 em termos de acessibilidade. As medidas somam-se a outras que vêm sendo adotadas pelo exame ao longo do anos, como videoprova em Língua brasileira de Sinais (Libras) e provas com textos e imagens ampliados. Ao todo, segundo o Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), cerca de 47 mil participantes com alguma deficiência ou transtorno fizeram a inscrição no Enem 2020 e solicitaram atendimento especializado. 


Foto: Ilustrativa/ Divulgação / PT

O diretório do Partido dos Trabalhadores em Salvador organiza para este sábado (23) uma carreata reivindicando a saída de Jair Bolsonaro da Presidência. O ato, previsto para acontecer em todo o Brasil, tem como ponto de concentração na capital baiana o Vale do Canela. Além do impeachment do presidente, o ato tem como pauta a universalização da vacina contra o coronavírus, geração de empregos e prorrogação do auxílio emergencial.

“Não dá mais para o Brasil continuar com esse desgoverno de Bolsonaro. A sociedade, os movimentos sociais e os partidos de oposição precisam reagir e defender a democracia, continuar a luta em defesa dos direitos e se posicionar contra o desmonte das políticas públicas”, destacou o presidente do PT em Salvador, Ademário Costa.


Foto: Fernando Vivas / GOVBA

O presidente do Consórcio Nordeste e também membro do Fórum dos Governadores, Wellington Dias (PT), solicitou a prorrogação do estado de calamidade pública no Brasil ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) por mais 180 dias. O ofício foi assinado em nome dos dois colegiados. As informações são do portal G1. A justificativa dos gestores estaduais é de que o estado de calamidade pública seja prorrogado pelo fato de não haver previsão da imunização de toda a população, além do aumento do número de casos confirmados, da ocupação de leitos e elevação na taxa de transmissibilidade do novo coronavírus.

“Essa iniciativa asseguraria a continuidade de ações de proteção àqueles que vivem em situação de vulnerabilidade social e que necessitam de auxílios correspondentes”, declararam os governadores no ofício.


Foto: Alberto Maraux

O novo comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBM), coronel Adson Marchesini, tomou posse, na tarde desta quinta-feira (21), em solenidade de passagem de comando, no Complexo de Ensino e Instrução de Bombeiro (CEIB), em Simões Filho, cidade da região Metropolitana de Salvador. Marchesini assume o cargo que era ocupado pelo coronel Francisco Telles de Macêdo, que teve a exoneração publicada no dia 16 de janeiro. As mudanças ocorrem depois do governador já ter realizado alterações nos comandos da Secretaria de Segurança Pública e da Polícia Militar.

Com vários cursos e especializações, Marchesini tem 10 medalhas e títulos concedidos por desempenho na PM e CBM da Bahia e em instituições de outros estados, a exemplo das Medalhas Conselheiro Almeida Couto, Imperador Dom Pedro II, Marechal Trompowsky, do diploma de Mérito Profissional por atuações em ocorrências de chuvas em Salvador e da comenda do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul.

“Agradeço ao governador e ao secretário da Segurança Pública pela confiança. Não faltarão trabalho e dedicação. Vamos trabalhar para diminuir o tempo de resposta, nos resgates, estando sempre ao lado da população”, frisou Marchesini.

Participaram da cerimônia o governador Rui Costa e o subsecretário da Segurança Pública, delegado Hélio Jorge da Paixão, o comandante-geral da PM, coronel Paulo Coutinho, a delegada-geral da Polícia Civil, Heloísa Brito, além do diretor do Departamento de Polícia Técnica, Élson Jeffeson Neves da Silva.

Durante a cerimônia foram entregues quatro viaturas Auto Escada Plataforma Aérea (AEPA), com escadas de 20, 40 e 50 metros e um tanque de mergulho para treinamento dos profissionais com profundidade de 1,5 a 10 metros. (G1)


Foto: Divulgação

O veículo Siena de cor branca e placa policial OUU 1488, que foi tomado em um assalto na cidade de Cruz das Almas (veja aqui), foi encontrado em um estacionamento na cidade de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano. Segundo informações, o carro foi roubado na noite da última quarta-feira, 20, por quatro homens armados na comunidade da Boca da Mata, zona rural de Cruz das Almas e os assaltantes deixaram o proprietário do veiculo no trevo de Conceição do Almeida. A autoria do crime ainda é desconhecida. (Informações: Forte da Notícia)