Bolsonaro diz que acabou com a Lava-Jato “porque não tem mais corrupção no governo”

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que acabou com a operação Lava-Jato, pois, segundo o próprio, não há mais corrupção no governo. A declaração foi dada nesta quarta-feira (07) em evento no Palácio do Planalto. “É um orgulho, uma satisfação que eu tenho dizer para essa imprensa maravilhosa nossa que eu não quero acabar com a Lava Jato, eu acabei com a Lava Jato, porque não tem mais corrupção no governo”, disse o presidente. Ele afirmou que é obrigação fazer um governo de “peito aberto”, não uma virtude.

A declaração é dada em meio à indicaão do desembargador Kassio Nunes, do Tribunal Regional Federal da Primeira Região para a vaga do ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, que deverá se aposentar na próxima semana. Sobre a indicação, sem citar o nome de Kassio, o presidente justificou as próprias indicações. “Quando eu indico qualquer pessoa para qualquer local, eu sei que é uma boa pessoa tendo em vista a quantidade de críticas que ela recebe da grande mídia”, disse.

Varela Notícias

Comentários

Os comentários estão fechados.