O público deu fim aos 15 minutos de fama de Liziane Guitierrez e fez com que a influenciadora digital, conhecida por ter discutido com policiais ao ser flagrada aglomerando em uma festa, fosse a primeira subcelebridade a deixar ‘A Fazenda’ 13 na última quinta-feira (23). A moça foi a menos votada para deixar a competição em uma roça contra Nego do Borel e Solange Gomes. Liziane recebeu 26,15% do público, contra 26,44% de Solange e 47,41% de Nego do Borel.


O retorno do artista ao grupo que o lançou na carreira musical foi confirmado nesta quarta-feira (22), pela assessoria do cantor ao Bahia Notícias após o anúncio feito pelo colunista Leo Dias.

“É preciso voltar e a gente sempre volta. Volta das férias, volta das batalhas, volta no tempo ao sentir um perfume, volta a ser criança com crianças, volta a ser racional quando a loucura pensa que é dona da casa e a gente volta também porque voltar não é retroceder, é se reencontrar nas partidas para se descobrir em novos caminhos”.


O PSG teria inserido no contrato de Neymar uma cláusula para que ele seja bonificado com quase R$ 40 milhões por ano se evitar polêmicas relacionadas a política e religião.

O Paris Saint Germain é um clube que se tornou empresa e hoje pertence a Nasser Al-Khelaifi, empresário muçulmano ligado à família real do Qatar.

A chamada “cláusula ética” no contrato do brasileiro também demanda “comportamento exemplar” e veda “comentários públicos negativos sobre o clube”.

A revelação foi feita em uma extensa matéria do jornal espanhol El Mundo, que destacou que outro dos tópicos na cláusula é a obrigação a Neymar de cumprimentar os torcedores do PSG, já que em certo momento, nos primeiros anos do jogador em Paris, a torcida local não o via com bons olhos.

A cláusula do contrato, descoberta após uma investigação jornalística, também exige que Neymar seja “cortês, pontual, amigável e disponível”. Ao final de cada ano, se as condições forem cumpridas, o atacante recebe o equivalente a R$ 39,8 milhões.

Embora Neymar continue expressando sua fé cristã nas redes sociais, a reportagem do periódico espanhol garante que a “cláusula ética” exige que o jogador evite qualquer “propaganda política ou religiosa que possa prejudicar a imagem e a unidade do clube”.

Em 2017, o Estado Islâmico chegou a fazer um cartaz com uma montagem sugerindo a execução de Neymar como forma de ameaça à Copa do Mundo, que foi realizada na Rússia no ano seguinte.

Na publicação mais recente que o jogador fez com alusão à sua fé no Instagram, o versículo de Êxodo 17:15 aparece em uma foto sua com a camisa da Seleção Brasileira, seguido da legenda “Que Deus nos abençoe e nos proteja”.

O contrato com o PSG estabeleceria que a conduta evitando manifestações religiosas deve ser observada “especialmente no campo”.

Em anos passados, quando conquistou títulos pelo Santos, Barcelona e Seleção Brasileira, o atacante fez uso de uma faixa com os dizeres “100% Jesus”. Quando foi acusado de estupro pela Najila Trindade, sua mãe o incentivou a perdoa-la e “voltar para Cristo”. (por Tiago Chagas / Gospel +)

VEJA:

https://www.instagram.com/p/CTne2HWL3vQ/?utm_source=ig_web_button_share_sheet


Após ser acusado de assediar a modelo Dayane Mello dentro do reality show da rede Record,  A Fazenda, o contar Nego do Borel pode ser expulso do programa. As cenas protagonizadas pelos artistas na madrugada neste sábado (18), incomodaram internautas e a família da modelo. 

O caso aconteceu após a primeira festa da temporada, conforme divulgou o portal Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias. O casal dividia a mesma cama quando Borel Nego  tentou beijar a vice-campeã do Big Brother italiano, e recebeu um não como resposta. Nas imagens viralizadas na internet, a famosa aparece recusando as investidas e evitando qualquer contato, mas ele insiste.

No vídeo, ainda é possível ver o cantor segurando a cabeça da participante, que mais uma vez, nega o contato. Ela ainda afastou a mão do funkeiro que tentou tocar seu cabelo por várias vezes. Nas redes sociais, os internautas lançaram a  a hashtag #AssédioNaRecord, que  ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter. No entanto, a emissora ainda não se posiciou sobre o caso. 

Fora da casa, o irmã da modelo,  Juliano Mello afirmou que a participante estava em situação de vulnerabilidade por ter ingerido bebida alcoólica  e que gostaria que ela tivesse acesso às imagens para “tomar uma decisão justa”. (Mídia Bahia)

VEJA:


O jornalista Roberto Petri, um dos mais importantes cronistas esportivos brasileiros, morreu neste domingo (19) em São Paulo, aos 85 anos. 

A informação foi confirmada por seu filho Bruno Petri na Rádio Bandeirantes. O jornalista sofreu um AVC em 2017 e decidiu se mudar para uma clínica de repouso. Desde então, enfrentava problemas de saúde. 

Nascido em 1936 em São Paulo, Petri começou a carreira na Rádio Bandeirantes em 1954 e, em seguida, foi contratado pela TV Tupi. 

Na emissora, promoveu o torneio Dente de Leite, que reunia meninos de 12 a 14 anos com o objetivo de revelar jovens talentos do futebol. Desde então, categoria recebeu este nome. 

“Na minha atuação como repórter, comentarista e narrador eu não ganhei nenhum prêmio como o Roquete Pinto e o Imprensa. Ganhei pelo Dente de Leite. Foi algo maravilhoso, muitas emoções”, afirmou em entrevista ao UOL em 2019. 

Ao longo da sua carreira de mais de 50 anos, Petri passou por diversos veículos, como Jovem Pan, as TVs Cultura e Gazeta, os jornais Última Hora, Diário da Noite, Diário de São Paulo, Mundo Esportivo e Equipe e a revista Player. 

Na TV Gazeta, Petri contou ter feito vários concursos para comentaristas e jornalistas esportivos e descoberto nomes como Galvão Bueno. “Não posso falar mal porque fui eu que inventei o Galvão Bueno. Ele, como profissional é bom, eu respeito. E ele também me respeita. Revelei também o Flávio Prado. É um gosto que tenho. Hoje acompanho ambos”, disse na mesma entrevista. 

Petri também ficou conhecido como um dos maiores especialistas em futebol argentino na imprensa brasileira. Também fez parte, na Gazeta, de um dos mais lembrados programas de mesa redonda esportiva da história da TV nacional. (Voz da Bahia)


Anitta surpreendeu os fãs ao contar que está afastada das redes sociais. Em entrevista a Hugo Gloss na última sexta-feira (17), a famosa revelou que está fazendo um ‘detox’ de internet.

Morando nos Estados Unidos, a cantora negou que a decisão tenha relação com os comentários sobre suas participações no VMA e no MET Gala 2021. “Resolvi dar um tempo de internet para não ficar olhando muito”, explicou Anitta.

“Entreguei minhas redes para a minha equipe. Não sei nada do que falaram sobre mim no VMA, no MET”, afirmou a artista. Porém, ela admitiu que não está longe 100% das redes sociais.

Ela explicou que mesmo não olhando suas contas oficiais ela não conseguiu se desfazer de seu perfil ‘falso’. “Só não posso dizer que o desligamento é total porque tenho um perfil fake no Instagram Mas só sigo coisa de comédia. É só o que eu tenho visto, minha família e os memes”, brincou Anitta. (Jetss)


Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1

A apresentadora Mamma Bruschetta revelou durante entrevista ao “SuperSonico Cast” que Gugu Liberato, morto em 2019, teve um relacionamento com o ator Marcelo Augusto, que fez participação no programa “A Turma do Didi”, da Globo.

Mamma, que era amiga próxima de Gugu, contou que o apresentador sempre foi discreto sobre sua sexualidade, mas ela afirma que ele “era gay”.


Preso desde julho deste ano após agredir a ex-esposa, Pamella Holanda, Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, encontrou uma forma de ser manter ativo na música dentro da cadeia.

O artista está compondo novas canções com a ajuda de uma caixa de fósforo.

Sem aparelhos eletrônicos dentro da cadeia, Ivis teria recorrido ao auxílio do item para tirar melodias e logo depois fazer a letra da música. 

O artista, que teve diversos pedidos de habeas corpus negado pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), permanece detido no presídio Irmã Imelda Lima Pontes, no município de Itaitinga. (Bahia noticias)


A dona do Magazine Luíza e presidente do conselho de administração, Luíza Helena Trajano, é a única brasileira na lista de 100 pessoas mais influentes do mundo da revista Time. Luiza aparece no destaque da categoria Titãs, que traz profissionais que são considerados referência nas suas áreas. Ao lado dela, estão nomes como a autora de séries Shonda Rimes, a ginasta Simone Biles e o presidente da Apple, Tim Cook.


A cantora gospel Fernanda Brum está sendo processada pela Igreja Evangélica Batista Jesus Lírio dos Vales, de Jequié, no interior da Bahia, por danos morais e materiais pelo não cumprimento de um contrato firmado por ela em 2018.

De acordo com a coluna de Fábia Oliveira, do jornal ‘O Dia’, o templo pede R$ 46 mil reais de indenização, que inclui R$ 15 mil do cachê pago na época, passagens aéreas e gastos com a produção do evento ‘Chá das Mulheres’.

A ação corre na 1ª Vara dos Feitos de Relação de Consumo, Cível, Comercial e Acidente do Trabalho de Jequié desde junho de 2019.

Segundo a publicação, a igreja alega ter contratado Brum em junho de 2018 para o evento que aconteceria em setembro, e Fernanda teria alegado que não poderia ir por motivos de força maior.

Para não cancelar o compromisso, a artista pediu o adiamento, e assim foi feito, de setembro o evento foi remarcado para outubro, no entanto, ela não apareceu.

Brum teria tentado justificar a ausência com um atestado médico, mas não disponibilizou uma nova data para a remarcação e o evento foi cancelado sem maiores explicações.

Os responsáveis pelo evento alegam terem sido lesados pela artista por terem perdido a credibilidade dos fieis, além de terem sido obrigados a arcar com o prejuízo financeiro como venda de ingressos e comida. (BN)


O cantor Caetano Veloso perdeu a ação que movia contra o pastor Marco Feliciano. Em 2017, o deputado do Republicanos disse que o músico era “pedófilo” e tinha estuprado Paula Levigne, com quem depois se casaria. Quando ficaram juntos pela primeira vez, ela tinha 13 anos, e Caetano, 40. De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, o juiz Nelson Ferreira Junior, da Justiça do Distrito Federal, negou o processo pois, segundo ele, as manifestações do parlamentar fazem parte do exercício legítimo da liberdade de criticar.


Foto: Reprodução/ Estadão

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro antecipou a audiência entre Xuxa e o vereador de Nilópoles, Anderson Campos (Republicanos) para o dia 22 de outubro. As informações são da coluna de Ancelmo Gois, do jornal ‘O Globo’.

O encontro entre as partes acontece após a apresentadora ter sido chamada de assediadora de menores nas redes sociais pelo vereador.