O governador da Bahia, Rui Costa (PT), não descartou a possibilidade de não haver festa de São João na Bahia este ano. Em entrevista à TV Band, o petista falou sobre a possibilidade de suspender a festa por causa da pandemia de coronavírus. Na Bahia, 108 casos foram confirmados. “Não tomamos a decisão ainda. Vamos esperar um pouco, até final de abril, para tomar uma decisão. Mas a princípio acho difícil que a gente consiga reunir multidões em todo o estado”, disse ele.(VN)


-

Um radialista com sintomas da Covid-19 está internado em estado grave no município de Camaçari (Região Metropolitana de Salvador), desde a última terça-feira, 24. Diabético, Tony Paulo que trabalha na Líder FM, segue na Unidade de Pronto Atendimento do bairro Gleba A, mas ainda não foi submetido ao teste que identifica o novo coronavírus. Tony foi internado após apresentar falta de ar, tosse e problemas pulmonares. De acordo com informações de familiares, a previsão é que o teste seja realizado entre este domingo, 29, e a segunda-feira, 30. A família do radialista cobra agilidade no teste devido ao estado de saúde frágil. Outro ponto preocupante é a diabete, um dos principais fatores de risco para a letalidade do coronavírus. Popular em Camaçari, o radialista convive há anos com a doença. (Voz da Bahia )


Sérgio Lima/Poder360 19.nov.2019

A Justiça Federal proibiu o governo federal de adotar medidas contrárias ao isolamento social como forma de prevenção da Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus.

Segundo informações, a decisão liminar, desta sexta-feira (27), atende pedido feito pelo MPF (Ministério Público Federal) e também suspendeu a validade de dois decretos editados pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que classificaram igrejas e casas lotéricas como serviços essenciais, o que permitia seu funcionamento mesmo com proibições de aglomerações em estados e municípios. A medida tem efeito imediato e vale para todo o Brasil.


Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na tarde que usou “nome fantasia” para fazer os testes para coronavírus. O mandatário foi submetido a 2 exames para verificar se contraiu a Covid-19. De acordo com o próprio presidente, ambos deram resultado negativo. Nenhum deles, no entanto, foi apresentado. Bolsonaro deu as declarações em entrevista à BandNews, no programa do Datena. O presidente também voltou a defender o uso da hidroxicloroquina para ajudar pessoas com covid-19. O medicamento ainda está sendo testado contra a enfermidade, mas Bolsonaro disse que “ninguém está chutando” ao apostar nesse remédio, de acordo com o Poder360.


Foto: Reprodução/Jair Bolsonaro

A 1ª Vara Federal de Duque de Caxias (RJ) suspendeu a aplicação do decreto de Bolsonaro que incluiu igrejas e casas lotéricas como serviços essenciais e que, portanto, poderiam funcionar normalmente durante a quarentena. “O acesso a igrejas, templos religiosos e lotéricas estimula a aglomeração e circulação de pessoas”, escreveu o juiz federal na decisão.
Bolsonaro havia publicado a medida no Diário Oficial da União de ontem. 
A decisão vale para todo o país.


O governador Rui Costa afirmou nesta quinta-feira (26) que acha “difícil que a gente consiga fazer o São João esse ano” na Bahia por conta da pandemia do novo coronavírus no mundo. Ele, no entanto, indica que esta é um assunto que só deve ser definido no final de abril. “Isso eu acho que é muito difícil. Não tomamos nenhuma decisão ainda. Como eu te disse, essa decisão vai ser tomada lá para frente. Lá para o fim de abril a gente vê a situação para tomar uma decisão definitiva. Mas, a principio, acho difícil que em junho a gente reúna multidões no estado inteiro”, disse, em entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Band Bahia. “Basta ter um ou dois contaminados por cidade, que seria uma absoluta imprudência e irresponsabilidade fazer festa junina numa cidade”, acrescentou. (BN)


A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) divulgou, nesta quinta-feira (26), a lista dos candidatos aprovados na 4ª chamada nos cursos de graduação da instituição, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para ingresso em 2020. A relação dos candidatos pode ser conferida no site da universidade. Os candidatos deverão encaminhar a documentação para DAA, por e-mail (matricula.daa@uefs.br). Posteriormente será informado o prazo para a apresentação dos originais e a data da homologação. A lista de documentos necessários e outras informações podem ser conferidas no edital divulgado pela instituição. O Sisu utiliza as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para disponibilizar vagas em instituições públicas de ensino. (G1)


O presidente Jair Bolsonaro disse na noite desta quinta-feira que o auxílio oferecido a trabalhadores informais atingidos pela crise do coronavírus será de R$ 600. O valor é o triplo do inicialmente anunciado pela equipe econômica e também é superior ao que estava sendo negociado por parlamentares. Segundo Bolsonaro, o aumento foi negociado com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e com o deputado Vitor Hugo (PSL-GO), líder do governo na Câmara, onde o projeto é analisado.


Foto: Divulgação Internacional Travessias Salvador (ITS)

Para garantir a segurança dos usuários e trabalhadores do sistema Ferry-Boat, em face à pandemia de coronavírus, as embarcações que fazem a travessia Salvador/Bom Despacho estão sendo higienizadas diariamente. De acordo com a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), o processo de higienização é feito no intervalo entre a viagens das 14h às 18h. A limpeza é feita em todas as embarcações que estão na operação do dia. Há também um trabalho intenso de limpeza nas áreas dos terminais, onde há circulação de pessoas, a exemplo dos salões, baias e áreas internas. No momento, a movimentação no sistema é tranquila, sem filas nem aglomerações.


Resultado de imagem para vilas-boas secretário de Saúde da Bahia

Foto: Reprodução

Após o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (relembre aqui), o secretário de Saúde da Bahia entende que não se ‘deve politizar o problema’ da pandemia do novo coronavírus. “Já temos problemas demais pra gerir. Não podemos cometer esse erro. Vamos continuar fazendo nosso trabalho”, disse ao Bahia Notícias. “Pelo presidente seja a do Ministério da Saúde, que tem se conduzido tecnicamente. Mas essa fala atrapalha não só o ministro mas todos nós”, avaliou. O secretário diz saber que iremos enfrentar uma grave recessão econômica, mas “o que nos cabe lidar diretamente é a crise sanitária”. “Vamos seguir tocando nossas vidas com decisões baseadas em evidências científicas seguindo exemplos bem sucedidos ao redor do mundo”, completou Fábio. Vilas-Boas pediu a benção de Deus e destinou para “cada um de nós que pouco temos dormido”. (Voz da Bahia)


Em pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio exibido na noite de ontem (24), o presidente da República, Jair Bolsonaro, pediu a reabertura do comércio e das escolas e o fim do “confinamento em massa”. A declaração do presidente vai de encontro à recomendação da Organização Mundial de Saúde, que defende que o isolamento social tem sido a ação mais eficaz até o momento para diminuir a transmissão do novo coronavírus. Medidas como o fechamento de comércio e escolas têm sido utilizadas em todo o mundo. No Brasil, as iniciativas são adotadas por determinação dos governos estaduais e municipais. A Covid-19 já deixou 46 mortos no país e 16.231 no mundo. Durante o pronunciamento de Bolsonaro, houve panelaço em todas as regiões do país, inclusive em Salvador.