DSCF3706

1 – Via de fato em SAJ: Por volta das 19h30 do dia 04/12 dois homens foram conduzidos à delegacia de polícia, após trocarem agressões físicas nas imediações do cata-vento, início da Avenida Barros e Almeida.

2 – Apreensão de drogas em SAJ: por volta das 23h do dia 04/12 no Loteamento Grande Vale, Bairro São Paulo, Nilton Silva Lopes, 21 anos, foi conduzido à delegacia, por ser com ele encontrada, um invólucro contendo maconha.

3 – Repressão à perturbação do sossego alheio em SAJ: Por volta de 01h30 do dia 05/12 após inúmeras solicitações de moradores informando que no restaurante que funciona em um posto de combustíveis situado Av. ACM, Bairro São Paulo, havia um veículo com som em alto volume perturbando o sossego de moradores das imediações do Bairro São Paulo, Irmã Dulce, Joeirana e Jardim das Árvores, tendo a PM apreendido o veículo e apresentado na delegacia, e notificando o condutor/proprietário, bem como, o estabelecimento comercial.

4 – Pai preso após espancar filho de oito anos no Centro de SAJ: Por volta das 14h30 do dia 03/12, um homem em visível estado de embriaguez alcoólica e que estaria agredindo barbaramente com chutes, socos e pontapés o seu filho de apenas 08 anos de idade. O acusado foi conduzido à delegacia e autuado em flagrante.

5 – Operação Blitz Ciclomotores: Por volta das 16h do dia 03/12 foi realizada uma blitz com o objetivo de tirar de circulação motonetas e ciclomotores irregulares. Foram apreendidas 05 motonetas em situação irregular.

6 – Apreensão de arma de fogo em SAJ: Na noite deste sábado dia 05/12 durante abordagens no Bairro Alto Santo Antônio a PM prendeu em flagrante, Leandro de Araújo Santos, 26 anos, que transitava em uma motocicleta Honda/Titan cor preta, placa NTG-7776, de posse de um revólver Taurus calibre 32, carregado com 04 cartuchos. O fato foi registrado na delegacia, onde Leandro se encontra preso a disposição da justiça.

7 – Apreensão de drogas em Jaguaripe: Por volta das 03h20 do dia 06/12 foi preso pela PM, Jalmir Valério Santos Bispo, 28 anos, residente na Localidade da Imbiara, Zona Rural de Jaguaripe. O mesmo foi flagrado com 09 papelotes de cocaína, sendo o infrator, juntamente com o material apreendido, apresentado na delegacia daquela cidade, ficando a disposição da justiça.

8- Prisão por tráfico de drogas em Laje: Por volta das 13h deste domingo dia 06/12 foi preso portando drogas, Bruno Souza de Oliveira, 19 anos. Com ele foram apreendidas 02 pacotes de maconha e 03 invólucros de cocaína.

9- Policiamento em eventos especiais: Foi empregado policiamento nas modalidades a pé, através de patrulhas PM, e motorizada com emprego de guarnições da PM em viaturas de duas e quatro rodas, nos eventos Corrida e Caminhada Pró Saúde; Caminhada da Família; e Parada do Orgulho LGBT, este último, na cidade de Nazaré. Não houve anormalidade. (14º BPM/SAJ)


AssinaAgricultura

O secretario de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, assinou, nesta terça-feira (01), convênios de regularização fundiária de propriedades rurais e instalação do Serviço de Inspeção Municipal e do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (SIM/SUASA), com presidentes de Consórcios Públicos. O ato, realizado durante a VI Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária (FEBAFES), que acontece até próximo domingo (6), no Parque de Exposições Agropecuária da Bahia, em Salvador, é uma ação estratégica de governo, reforça o compromisso do Governo do Estado em firmar parcerias com consórcios públicos, além de assegurar a cidadania e geração de renda no meio rural. ”Estamos desenhando um novo modelo de gestão que oportuniza ampliar as políticas públicas, para que elas cheguem, com mais agilidade nos Territórios. Nossa ideia é ampliar estas parcerias para benefício e fortalecimento da agricultura familiar. Este é um grande momento para a regularização fundiária, evidencia nossa preocupação em regularizar a situação das propriedades dos nossos agricultores familiares. E, para a inspeção sanitária, garante a qualidade final do produto, por meio da verificação dos produtos de origem animal produzidos por nossos agricultores familiares”, destacou o secretário. Os quatro termos de cooperação técnica para a execução da regularização fundiária foram assinados pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Coordenação de Desenvolvimento Agrario (CDA), com os Consórcios Públicos do Vale do Jiquiriçá, da Bacia do Jacuípe e do Consisal do Sertão do São Francisco. Estão avaliados em mais de R$ 4 milhões de reais e beneficiará mais de 17 mil famílias de agricultores familiares, o equivalente a 60 mil pessoas.

Prefeito de Lafaiete e presidente representa o consórcio
Prefeito de Lafaiete e presidente representa o Consórcio do Vale
O coordenador de Desenvolvimento Agrário (CDA), Ariosvaldo Souza, explicou que, após a assinatura, os consórcios  estão aptos para iniciarem seus trabalhos. ”A CDA efetuará a capacitação da equipe destes consórcios para aperfeiçoamento dos conhecimentos das equipes, referente ao cadastro, georeferenciamento dos imóveis  e análises das 17 mil peças técnicas que serão elaboradas e resultarão em títulos de posse de terra, resgatando a cidadania dos agricultores familiares beneficiados”. Já Zenildo Brandão, o Zé Cocá, prefeito de Lafaiete Coutinho e presidente do Consórcio do Vale do Jequiriçá, comemorou a assinatura do convênio. ”A regularização fundiária simboliza o resgate da cidadania. Esta ação beneficiará mais de seis mil famílias, resgatando a cidadania de cerca de 30 mil pessoas, que terão documento em mãos para provar que tem a posse da terra”. ((SECOM)

reforma-da-ba540-entre-mutuipe-e-amargosa-Midia-Bahia-21_765_370__0_0_1_center_top__0_transparent_0_1_7

A tão esperada reforma da BA-540 trecho que liga Mutuípe  a Amargosa está saindo do papel, a obra realizada pela empresa Campbel, se aproxima da fábrica de biscoitos Flor do Vale em Mutuípe. Inicialmente os trechos críticos tiveram o asfalto removido e o serviço de terraplanagem refeito, posteriormente uma camada de betume e brita está sendo colocado. O trecho de 27km estava repleto de buracos o que causava diversos transtornos para que transitava pela via.  A BA-540 é umas das poucas ligações entre o Vale do Jiquiriçá e a cidade de amargosa e umas das mais importantes da região, principalmente aos que de descocam a UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia). A obra faz parte do programa de recuperação de rodovias baianas do governo do estado através do SIT, (Sistema Integrado de Transporte), antigo DERBA. (Mídia Bahia)



 80330

No início da tarde desta sexta-feira (13), três indivíduos trocaram tiros com a Guarnição da Polícia Militar da cidade de Presidente Tancredo Neves, no confronto os três morreram e nenhum policial ficou ferido. A ação policial que resultou na troca de tiro aconteceu no Bairro Aécio Neves atrás do colégio que tem o mesmo nome do bairro em uma casa em construção. Segundo informações da polícia repassadas com exclusividade ao Amarelinho10, a guarnição estava em diligência e conseguiu efetuar a prisão de um indivíduo na entrada das casas populares, nas proximidades da Casa de Shows Do Bó Fest House, após ser preso com uma certa quantidade de drogas e munição, o mesmo informou a polícia onde comprou a droga e a munição, falou ainda que no local estavam traficantes e que os mesmos estavam armados.

Ao chegar no local indicado, os indivíduos atiraram contra os policiais que revidaram, no confronto os três foram alvejados em seguida foram levados pela Guarnição para o Hospital da cidade, porém os três já chegaram sem sinais vitais. Após a troca de tiro, os policiais entraram na casa em construção e encontraram um menor escondido dentro de um quarto, o mesmo foi levado para a Delegacia. (Infosaj)


20150319_105328

O governador Rui Costa sancionou nesta a lei que regulamenta vaquejadas e cavalgadas como práticas desportivas e culturais na Bahia, conforme publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta quarta-feira (11/11). A proposição, de autoria do deputado Eduardo Salles (PP), foi aprovada pela Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) no dia 23 de outubro, e inclui medidas de proteção aos animais e aos competidores, além de determinar de doação de 2% do valor da premiação aos fundos beneficentes dos bichos. “Agora ninguém mais pode acabar com esse esporte, que é patrimônio cultural imaterial do nosso estado e contribui com a economia do interior baiano”, afirmou Salles. A norma já está em vigor. Entre as novas regras, está a proibição da participação de qualquer animal que tenha ferimentos ou sangramentos e de bois com chifres pontiagudos. Para transportar os bovinos, é preciso a garantia de água, sombra e alimentação, e cada boi só poderá correr até três vezes por competição. A lei estabelece também que o piso da pista deve ter camada de ao menos 30 centímetros de colchão de areia, para reduzir o impacto da queda do animal. Vaqueiros que maltratarem os animais de forma intencional serão desclassificados. Também é vetado o uso de arreios que possam causar danos à saúde dos animais. O projeto ainda estipula o uso obrigatório de equipamentos de segurança pelos competidores, além da presença de paramédicos e veterinários durante os eventos. – (Secom)


Ceasabmf

A cotação de preços dos produtos comercializados no Mercado Produtor Ceasa de Jaguaquara esta semana tem como destaque o aumento no preço do limão, que apresenta alta significativa em comparação com as últimas semanas. O produto tem alta de preço e chegou a custar, nesta quarta-feira (11/11), R$ 86,00, o saco com 25 kg. A batata lisa especial, por sua vez, tem preço estável é vendida por R$ 95,00, o saco com 50 kg. Os produtores de tomate também comemoram; a caixa do tomate extra, com 23 kg, custa atualmente R$ 48,00, conforme dados da cotação desta quarta do Mercado Produtor de Jaguaquara. Confira os preços de outros produtos comercializados na Ceasa: repolho, R$ 20,00 a caixa; jiló R$ 15,00 o saco; pimentão R$ 10,00 a caixa; pepino, R$ 18,00 a caixa; cebola pêra, R$ 35,00 o saco e cebola roxa R$ 21,00; alho branco tem alta de preço, e chega a custar R$ 132,00 a caixa; batata doce R$ 42,00 o saco; cenoura R$ 26,00 o saco; manga rosa R$ 25,00 a caixa; maracujá R$ 27,00 o saco; Uva R$ 71,00 a caixa e laranja R$ 14,00 o cento. (BMF)