Imagem Ilustrativa

A Polícia Civil do Distrito Federal deflagrou hoje (2) uma operação que investiga irregularidades na compra de testes de Covid-19 pelo governo do Distrito Federal. Policiais cumprem mandados em sete estados: Goiás, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Bahia e Espírito Santo. As investigações apontam superfaturamento nas compras e baixa qualidade dos testes, que podem dar falso negativo. De acordo com os agentes, o prejuízo aos cofres públicos com as compras superfaturadas é estimado em cerca de R$ 30 milhões.


Imagem Ilustrativa

Uma das lojas da Dix foi arrombada por volta de 1h da manhã desta quinta-feira (02) no centro de Santo Antônio de Jesus. De acordo com o proprietário do estabelecimento, a imprensa local, as câmeras de vigilância do local, flagraram dois elementos encapuzados invadindo o local. “Ficamos indignados porque várias lojas estão sendo roubadas e cadê a guarda na rua para fiscalizar?”, indagou.


A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) descobriu o paradeiro do o “Homem Pateta”, perfil das redes sociais acusado de induzir crianças e adolescentes ao suicídio. A pessoa por trás do personagem macabro se identifica como Jonatan Galindo nas redes sociais e usa fotos que remetem ao personagem Pateta, da Disney. Segundo informações, a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) apurou, preliminarmente, com informação repassadas pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol), que o autor do perfil seria italiano e já teria sido preso naquele país.


Uma mulher sofreu tentativa de feminicídio no último sábado (27), no bairro da Gleba, em Camaçari, na região metropolitana de Salvador. A sobrinha da vítima, relatou ao G1, nesta terça-feira (30), que a tia foi agredida com golpes de martelo pelo ex-companheiro e sofreu traumatismo intracraniano. Ela foi socorrida para o hospital, e o homem fugiu.


Sari Corte Real estava responsável pelo menino Miguel, que caiu do 9º andar — Foto: Reprodução/TV Globo

A primeira-dama de Tamandaré, Sari Corte Real, compareceu à delegacia de Santo Amaro, no Centro do Recife, para prestar depoimento, nesta segunda-feira (29). A esposa do prefeito de Tamandaré, Sérgio Hacker (PSB), estava responsável por Miguel Otávio, de 5 anos, quando o menino, filho de sua ex-empregada doméstica, caiu do 9º andar do prédio de luxo em que ela mora, no Centro do Recife, no dia 2 de junho


Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Na Bahia, de acordo com um levantamento feito pelo G1, foram registradas três denúncias contra médicos por divulgação de fake news ou ‘curas milagrosas’ durante a pandemia do novo coronavírus. A informação foi confirmada ao site pelo Conselho Regional de Medicina que afirmou que houve sindicância em dois dos casos.


Imagem Ilustrativa

Os casos de feminicídio cresceram em 150% na Bahia em maio, em comparação com o mesmo mês do ano passado. Dados da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) apontam que, entre os dias 1º e 31, foram registrados 15 feminicídios, contra seis em 2019. A SSP detalhou que dos 15 casos, três foram em Salvador e os outros 12 em cidades do interior da Bahia. Na capital, as vítimas eram jovens com idades entre 21 e 27 anos. Nos três casos, a história de inúmeros outros feminicídios se repete: a mulher tenta terminar o relacionamento, o companheiro não aceita e tira a vida dela.


Na noite desta quinta-feira (25) um homem foi morto pelo próprio irmão com um golpe de machado na cabeça na localidade do Engenho Velho, às margens da BA 539, zona rural de São Miguel das Matas. Marielson Silva dos Santos, foi surpreendido pelo próprio irmão que desferiu um golpe de machado em sua cabeça, sendo fatal levando-o a morte.


Por decisão do ministro Alexandre de Moraes, relator no STF (Supremo Tribunal Federal) do inquérito dos atos antidemocráticos, Sara Giromini, conhecida como Sara Winter, será liberada nesta quarta-feira (24) da prisão. Ela terá que usar tornozeleira eletrônica, assim como os outros cinco integrantes do grupo de extrema direita 300 do Brasil que estavam presos também por ordem do STF.


Uma série de alertas para pais de crianças e adolescentes que navegam na internet têm sido divulgado pela polícia, nos últimos dias, após o surgimento de um personagem que se identifica como Jonatan Galindo nas redes sociais. Ele usa fotos que remetem ao personagem Pateta, da Disney, e estaria induzindo crianças a atentar contra a própria vida.