A

Há seis meses, a dona de casa Josélia dos Santos, 65 anos, moradora do bairro Brasília, em Feira de Santana, recebeu a ligação de um homem desconhecido, a partir de um número de telefone não identificado, que dizia ter sequestrado uma filha sua e pedia um resgate no valor de R$ 5 mil. “Primeiro eles ligaram para o meu marido e disseram que haviam sequestrado um filho. Nervoso, meu marido passou a ligação para mim e eu conversei com ele.


A
Um homem foi assassinado a tiros na madrugada desta terça-feira (9) na “Guapira”, zona rural de Maragojipe, no recôncavo baiano. Lucas do Amor Divino, 31 anos, foi morto em frente a um bar, que fica na comunidade onde ele morava, por volta das 3h, mas o crime só foi comunicado a polícia pela manhã, por volta de 8h, segundo informações da Polícia Militar. 
A vítima possuía passagens pela delegacia territorial por tráfico de drogas. A Polícia Civil ainda não identificou o autor dos disparos e investiga o caso. 
O corpo foi encaminhado para o (IML) de Santo Antônio de Jesus. Desde o início do ano que município vem registrando mortes violentas geradas pela tráfico de drogas. (InfoSaj)

A

Um morador do Entroncamento de Laje, de pré-nome “Pingo” 22 anos foi assassinado a golpes de facão na tarde de sábado (06), por volta de 15:30h. sendo atingido com cortes no pescoço face e peito. Segundo informações passadas ao Mídia Bahia populares chegaram a socorrer a vítima ao Hospital Ranulfo José de Almeida porém ela já chegou à unidade de saúde sem sinais vitais. A motivação do homicídio seria dividas de drogas. Neste domingo (07), populares revoltados derrubaram a casa do acusado pelo homicídio conhecido por “Baby” e atearam fogo. (Bahia Midias)


DSCF2823

– Alfredo dos Santos Pereira Neto, 21 anos, morador da Rua Bom Pastor no Alto Santo Antônio em Santo Antônio de Jesus foi socorrido para o HRSAJ após ser baleado. A vítima foi medicada e ficou em observação.

– Ivanildo Barreto da Silva, 27 anos, morador do Povoado Cruzeiro de Laje, deu entrada na emergência do HRSAJ, após ser vítima de tentativa de homicídio com arma de fogo. Ele foi medicado e ficou em observação.

– Edilson de Argolo Campos, 33 anos, morador da Fazenda Nova Esperança, zona rural de Aratuípe, foi vitima de tentativa de assalto e sofreu agressão física. Ele sofreu uma coronhada na cabeça e foi socorrido para o HRSAJ, onde ficou em observação.

– Manoel Cecílio de Andrade, 67 anos, morador do Sitio Deus Dará em Jaguaripe foi assaltado e agredido fisicamente. O idoso foi socorrido para o HRSAJ, onde foi medicado.

– Jhonatan dos Santos Aragão, 26 anos, morador da Urbis IV em Santo Antônio de Jesus foi vítima de acidente com moto. O jovem foi socorrido para a emergência do HRSAJ, onde foi medicado e posteriormente liberado.


C

Um carreteiro foi morto a golpes de faca na madrugada desta segunda-feira (8), no estacionamento do posto de combustíveis Grande Vale localizado no Km 630 da BR-116 no perímetro do Entroncamento de Jaguaquara. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime ocorreu por volta das 04h, quando populares entraram em contato com a Delegacia Territorial de Jaguaquara. O corpo foi encontrado em decúbito dorsal, apresentando perfurações à faca, ao lado do veículo que era conduzido pela vítima, uma carreta-baú de placa NYO-3288, licenciada de Salvador.

Polícia Militar foi acionada, mas não encontrou autor
Polícia Militar foi acionada, mas não encontrou autor do crime

Ainda de acordo com a polícia o carreteiro preparava refeição na cozinha da carreta, que foi encontrada revirada. Informações policiais, levantadas pelo Blog Marcos Frahm, dão conta de que um frentista estava no posto no momento do crime, mas soube informar como ocorreu o bárbaro crime. A polícia informou também que o posto funciona sem vigilante.

Corpo da vítima estará no IML de Jequié
Corpo da vítima será levado ao IML de Jequié, para necropsia

Como a cozinha do baú estava revirada, a polícia suspeita de latrocínio. A Polícia Militar realizou buscas, mas até o fechamento da matéria não encontrou o autor do homicídio; no local, impera a lei do silêncio e o corpo está sendo encaminhado ao Instituto Médico Legal de Jequié. (Blog Marcos Frahm)


A
Um homem foi morto em uma casa na Rua Rio Branco (Antiga Estrada de Ferro), na madrugada deste domingo (7), em Cruz das Almas, a 146 km de Salvador. As primeiras informações indicam que 4 homens invadiram a residência e dispararam contra a vítima que estava em companhia da mulher e da filha no momento do crime, por volta das 3h. André Souza da Conceição, 21 anos, vulgo “Juninho”, foi alvejado em várias partes do corpo, e não resistiu aos ferimentos, antes mesmo de ser socorrido.


A operação Brasil Integrado, que aconteceu em todo país, prendeu 67 pessoas na Bahia – 42 em flagrante e 25 cumprindo mandados de prisão. Participaram da ação 1.700 policiais, entre as forças de segurança estaduais e federais. A Força Nacional também agiu nas cidades de Buerarema, Una e Ilhéus. A ação começou às 0h de hoje nos 26 estados e Distrito Federal e segue até o final da noite. Na Bahia, foram montados 58 pontos com barreiras policiais. Nestes locais, foram apreendidos 560 kg de maconha, 31,3 kg de cocaína, 20 kg de crack, 997 comprimidos de drogas sintéticas. Foram destruídos 39 mil pés de maconha. A polícia apreendeu na Bahia 26 armas de fogo, 140 munições de diversos calibres, 12 veículos e 24 objetos eletrônicos (relógios, telefones, balanças).


NotíciaUma funcionária do Banco Central foi demitida após ser flagrada ao desviar dinheiro da tesouraria do Departamento de Meio Circulante do BC, no Rio de Janeiro. Policiais federais acreditam que em uma semana Lígia Maria Victer Frazão, de 66, tenha embolsado mais de R$ 20 mil. A Polícia Federal abriu inquérito. As câmeras de segurança filmaram a analista com 20 anos de casa e salário de R$ 20 mil, apanhando notas de R$ 50 e R$ 100 que deveriam ser destruídas. O caso começou a ser investigado em outubro do ano passado, pela segurança do banco e por policiais da Delegacia Fazendária da PF do Rio. Lígia foi indiciada e agora poderá ser condenada a 12 anos de prisão. “É um caso extremamente grave. Os funcionários manipulavam muito dinheiro. Em alguns momentos, é possível ver apenas um funcionário diante de milhares de reais. Estamos investigando com muito cuidado para saber a extensão do caso e se há mais gente envolvida”, disse um policial federal. Até agora foi identificada a participação de outro funcionário no desvio de recursos: Anderson Pereira da Silva, auxiliar de tesouraria do Banco Central. As investigações sobre o caso começaram depois que uma conferência identificou uma discrepância entre o número de notas enviadas para ser destruídas e o daquelas efetivamente incineradas. No início, foi constatado o desaparecimento de seis notas. A partir daí, o BC encontrou indícios de que o número era muito maior. (O Globo)