6b242ab2-bb7f-43c7-9e28-b33cf0646abb

O prefeito eleito do município de Laje, Klédson Duarte Mota (Binho de Mota) foi recebido na manhã desta segunda-feira (24), pelo Governador  Rui Costa em seu gabinete na capital baiana. Ele estava acompanhado do vereador George Leão, que é seu vice-prefeito eleito, da senadora Lídice da Mata e da Deputada Fabíola Manssur. O futuro prefeito de Laje solicitou do governador ações em para melhoria da população lajista. O governador Rui Costa se comprometeu com as reivindicações feitas.  Binho estará partiucipando de uma entrevista nesta quinta-feira (27), durante o programa Enfoc Geral na Líder FM/Laje. Aguardem. 

Fonte; Rádio Líder FM/Laje


11659337_1603683796515974_1205900700956111601_n

Durante o programa Enfoc Geral desta quarta-feira (19), o professor Gildo Ramos fez uma participação por telefone para realizar suas felicitações a um aniversariante do dia através da Líder FM/Laje. No entanto nesta oportunidade foi indagado algumas situações políticas, tendo em vista ser um cidadão ativo socialmente e politicamente na cidade e em uma das perguntas, se seu nome poderia está a disposição para assumir a pasta da secretaria de agricultura? tendo em vista sua simpatia ao candidato eleito Binho de Mota durantes as últimas eleições. Em resposta ficou a entender que o mesmo poderia sim assumir a referida pasta. Ouça.

Fonte: Rádio Líder FM/Laje.


Prefeitos

O número de prefeitos na Bahia que não conseguiu aprovação nas urnas nas eleições deste ano, é recorde. Dos 307 prefeitos, aptos a reeleição, só 204 entraram na briga, 109 desistiram, sendo que, dos que encararam a disputa eleitoral apenas  77, ou 37,74%, lograram êxito – 127 perderam, segundo a contagem feita pela  União dos Municípios da Bahia (UPB). ”O número é recorde absoluto desde que a reeleição foi instituída, em 2000. O resultado era previsível”, comentou a presidente da  UPB e prefeita de Cardeal da Silva, Maria Quitéria (PSB), que aponta a crise como fator determinante. ”Tanto que em 2008, com a economia indo de vento em popa, o índice de reeleição foi o maior, 63,4%”, compara Maria Quitéria, justificando que cortaram muitas verbas dos municípios. ”Muitas obras que estavam em andamento pararam. Isso forçou os prefeitos a fazerem muitas demissões”, complementou a presidente da UPB. Outro dato também levantado em relação ao pleito deste ano foi a diminuição do números de mulheres eleitas. Em 2012, foram 84 e em 2016, apenas, 56. Dos 417 municípios baianos, dois ainda permanecem com a situação indefinida. Vitória da Conquista, segundo maior colégio eleitoral do estado, o prefeito eleito somente será conhecido no próximo dia 30, após o resultado da votação em segundo turno, envolvendo os candidatos Hérzem Gusmão (PMDB) e Zé Raimundo (PT); outro município com situação indefinida, é Santa Maria da Vitória, ”onde aconteceu um caso raro”, como acentua o jornalista Levy Vasconcelos, da coluna Tempo Presente, do jornal A Tarde – Carlos André (PTC) teve 1.901 votos contra 1.325 de Geazi (PP), mas a Justiça indeferiu as candidaturas dos dois.

Índices, de 2000 a 2016 — Veja os índices de reeleição na Bahia:

2000 – 228 aptos, 116 reeleitos (57,6%).

2004 – 156 aptos, 80 reeleitos (51,3%).

2008 – 223 aptos, 143 reeleitos (63,3%).

2012 – 234 aptos, 118 reeleitos (50,5%).

2016 – 204 aptos, 77 reeleitos (37,7%).

2016 – 204 aptos, 77 reeleitos (37,7%).

 


008

O programa Enfoc Geral desta sexta-feira (07), teve como entrevistados o vereador reeleito Josevan Lôbo e o vereador e vice-prefeito eleito George Leão. Em entrevista ao radialista Walmir Brito, eles fizeram seus agradecimentos e ratificaram compromissos de continuarem trabalhando pelo povo lajista. Ouça.

Fonte: Rádio Líder FM/Laje


1

Durante o programa Enfoc Geral desta quinta-feira (06), o atual prefeito de Laje, José Emiran, derrotado nas eleições deste 2 de Outubro, esteve participando ao lado de seu vice e atual vereador Tany Motos, dos vereadores Jeir Santana, André e o candidato a vereador eleito Geovane, onde todos fizeram seus agradecimentos. Indagado sobre uma avaliação dessas eleições, Emiran disse que foi um pleito limpo e que respeita a maioria da população em suas escolhas, disse ainda que entregará a prefeitura sanada como é de obrigação de um gestor honesto, que chamará a imprensa para o registro e que continuará morando no mesmo lugar, que fará um grupo de oposição responsável sem  bloqueio de pista com queima de pneus. Ouça.

Fonte: Rádio Líder FM/Laje


DSC_0004

Durante o Programa Enfoc Geral desta quarta-feira (05), o candidato a vereador eleito com mais de 600 votos, Roberval do Cacau, esteve participando do programa Enfoc Geral na Líder FM/Laje para fazer seus agradecimentos dos votos obtidos nas últimas eleições. Em entrevista ao radialista Walmir Brito e o professor Uelington Peixoto , Roberval ouviu por telefone as felicitações e disse que uma de suas ações será lutar pela construção de um açougue municipal para vendas de carnes mais barata e atrair mais pessoas para a feira de Laje. Ouça.


b9cebd31-7365-4e7c-bf77-ad0d264f12a0

Durante o Programa Enfoc Geral desta terça-feira (04), a vereadora reeleita com mais de 800 votos, Eliene Batista, esteve participando do programa Enfoc Geral na Líder FM/Laje para fazer seus agradecimentos dos votos obtidos nas últimas eleições. Em entrevista ao radialista Walmir Brito, Batista se emocionou com as mensagens de felicitações dos ouvintes e disse que lutará por cada eleitor de Laje com amor, dedicação e muito trabalho em projetos para a coletividade . Ouça.

Fonte: Rádio Líder FM/Laje


Um catador de recicláveis popular em Assis (SP) foi eleito vereador na primeira vez que disputou a eleição. Nilson Pavão (PMDB) ficou em terceiro lugar, com 1.275 votos, neste domingo (2). E um dia depois das eleições municipais, ele já estava nas ruas trabalhando como faz há mais de 20 anos. E sempre junto com ele está o “pretinho”, cachorro de estimação de Nilson.como foi a apuração dos votos em Assis) Em Assis, o futuro vereador é conhecido como Nilson do cachorro, por causa do companheiro que vai com ele para todos os lados e devido a toda essa popularidade, ele resolveu se lançar a candidatura de vereador. “Esse resultado foi um surpresa para mim.


DSC_0103

Durante o Programa Enfoc Geral desta segunda-feira (03), o candidato a vereador eleito Jamaica, esteve participando do programa Enfoc Geral na Líder FM/Laje para fazer seus agradecimentos aos mais de 500 votos obtidos nas últimas eleições. Em entrevista ao radialista Walmir Brito e o professor Uelington Peixoto, ele falou de seus futuros projetos e ressaltou que a Rua da Ladeira terá dois representantes na câmara e ouviu por telefone as felicitações. Ouça.


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ação do Ministério Público em Santo Antônio de Jesus aprendeu diversas bandeiras de eleitores nas ruas da cidade. A ação contou com apoio das Polícias Militar e Rodoviária Federal sendo realizada em diversos pontos onde apresentou aglomerações de eleitores de vários candidatos neste domingo (02). Segundo o promotor eleitoral Julimar Barreto, a ação visa evitar confusões já que o município vive uma politica acirrada evitando também o confronto de pessoas entre si. Em Santo Antônio de Jesus esta proibida a circulação de bandeiras em veículos, principalmente bandeiras que tem madeira ou cano.

Promotor eleitoral durante ação neste domingo (02)

Várias bandeiras foram apreendidas em Santo Antônio de Jesus

Ação do Ministério Público tem participação da Polícia Militar e Rodoviária Federal

Apreensão de bandeiras aconteceu em diversos pontos da cidade


A Câmara de Vereadores de Jaguaquara, aprovou na quinta (28), em sessão ordinária, os projetos de lei que fixam os subsídios de prefeito, vice-prefeito, secretários do município e vereadores para o período de 2017 a 2020. O texto aprovado pela Câmara, reajusta o salário dos vereadores para R$ 8.500,00 em valores brutos. Já a remuneração do prefeito passará dos atuais R$ 17 mil para R$ 19 mil, enquanto o vice-prefeito passará a ganhar R$ 11.400,00 mensais. No caso dos secretários, os vencimentos irão de R$ 6. 500,00 mil para R$ 6.980,00. Ainda de acordo com a publicação, a Câmara informou, através de nota pública, que o percentual de reajuste foi um dos menores de todo o País. “O subsídio do vereador deve ser fixado pelas respectivas câmaras municipais em cada legislatura para a subsequente. Isso em todo o Brasil. Portanto, os projetos de leis aprovados, estão constitucionalmente aptos a produzirem seus efeitos de 01 de janeiro de 2017 até 31 de dezembro de 2020, data que se encerra a próxima legislatura”, defende o texto. (BMF)