Os Vereadores da cidade de Mutuípe, Índio Josaphat, ex Líder de Governo na Câmara, e Júnior Cardoso, estiveram presentes nos estúdios da Rádio Líder FM, na manhã dessa quarta-feira (30), participando do Programa Enfoc Geral. Na oportunidade, eles falaram sobre o andamento dos trabalhos do Legislativo no município, comentaram alguns projetos e destacaram o adiamento da eleição da Mesa Diretora da Câmara, que havia sido programada para acontecer na última segunda-feira (28). Segundo eles, a eleição foi suspensa devido a um ato de imposição de um grupo, que vem interferindo, constantemente, nos trabalhos da Casa. Júnior e Josaphat ainda ressaltaram que o povo quer ver transparência e que não pode haver interferência externa de um grupo político dentro do Legislativo. Os Vereadores: Josaphat (PDT), Gil (PT), Lek (PRB) e Júnior (DEM), sendo os três últimos ex presidentes, compõem uma chapa que concorre à Mesa Diretora, e afirmam estar preparados para assumir os trabalhos, garantindo não inviabilizar as atividades da gestão, mas ajudar no luta por melhorias para o povo. Eles esperam que a eleição possa acontecer o mais breve possível. Assista!

Prog. Enfoc Geral (30/05)

Posted by Rádio Líder FM de Laje on Wednesday, May 30, 2018

Fonte: Rádio Líder FM/Laje


O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta terça-feira (22/05), julgou procedente denúncia formulada contra o ex-prefeito de Santo Antônio de Jesus, Humberto Soares Leite, por irregularidades em procedimento licitatório realizado para fornecimento de equipamento de som, iluminação, geradores e de mão de obra, com valor estimado em R$851 mil, no exercício de 2016. O relator do processo, conselheiro Antônio Carlos da Silva, multou o gestor em R$4 mil.  A relatoria concluiu que o edital do pregão presencial, ao exigir a realização de vistoria técnica até o terceiro dia útil anterior à data fixada para a apresentação das propostas, violou a norma que prevê a fixação de prazo não inferior a oito dias úteis entre a publicação do aviso e a apresentação das propostas pelos interessados. Com a imposição de uma providência prévia, no caso a realização de vistoria técnica, esse prazo mínimo foi indiretamente reduzido, já que os licitantes só poderiam apresentar a proposta após a constatação de todos os detalhes e características técnicas do objeto que influenciariam no custo e execução dos serviços, o que fere o caráter competitivo da licitação. O Ministério Público de Contas, em seu pronunciamento, também considerou ilegal a exigência da Certidão de Acervo Técnico para serviços que não possuem relação com o CREA, mas o relator considerou que os serviços de som, iluminação e geradores dependem dos serviços de engenharia na sua montagem e operação, sendo submetidos, portanto, à regulação e fiscalização do CREA, não havendo que se falar em ilegalidade nas exigências relativas a estes serviços. Cabe recurso da decisão. (TCM)


Resultado de imagem para lula pre candidatura

ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso na Superintendência da PF (Polícia Federal) em Curitiba (PR), escolheu o dia 27 de maio para o lançamento de sua pré-candidatura à Presidência em todo o Brasil. A informação foi repassada pelo deputado federal Wadih Damous (PT), que visitou o petista na manhã desta segunda (21) na condição de seu advogado. O parlamentar afirmou à militância do acampamento Lula Livre, nos arredores da PF, que o ex-presidente pediu para enfatizar que no dia 27 o lançamento ocorrerá em cada cidade brasileira onde o PT está organizado. “Pouco importa se em cada ato tenha 10 pessoas, tenha 5 pessoas, tenha 500 pessoas. O importante é o somatório em todo o Brasil de cada um desses atos, para deixar claro que o presidente Lula é o nosso candidato”, disse Damous. O deputado também afirmou que Lula está bem-humorado, ainda que indignado. “Está bem abrigado, está bem agasalhado, tem praticado exercícios, está bem-humorado. Agora, é claro que ele está indignado com essa perseguição que se abate sobre ele.” Segundo Damous, Lula voltou a dizer que não quer receber um indulto, mas sim o reconhecimento de sua inocência. Na última sexta-feira (18), a juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução penal do petista, cumpriu decisão do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) que deferiu pedido da OAB do Paraná para assegurar a Damous o direito ao exercício profissional como advogado de Lula. (Folhapress)


O vereador Jesulino Santos Junior (Junior Cardoso) – DEM, em entrevista, anunciou a sua pretensão de concorrer à presidência da Câmara Municipal de Mutuípe, na eleição prevista para o próximo dia 28 de maio. Os vereadores votaram e aprovaram, por unanimidade, na Sessão Ordinária de 07 de maio, o Requerimento que prevê a antecipação das Eleições da Mesa Diretora do Legislativo Municipal, na data supracitada, a exemplo do que aconteceu nas cidades vizinhas: Amargosa, Ubaíra e Laje. Os membros da Mesa Diretora eleitos neste pleito só assumirão os respectivos cargos em 1ª de janeiro de 2019. O Vereador exerceu o cargo de Presidente nos anos de 2015/2016 e o seu mandato foi marcado por inúmeros trabalhos realizados, os quais despertaram a atenção da Comunidade, a exemplo da Campanha do Glaucoma, realização de varias sessões itinerantes em diversas regiões do município, reforma do Plenário, do setor administrativo da Câmara. O então Presidente Junior Cardoso também adquiriu uma Moto zero Km para as atividades legislativas, realizou Audiências Publicas para discussão de diversas áreas das políticas públicas do município e fez o maior evento de entrega de titulo de cidadão Mutuipense da história da cidade. Segundo ele todas essas realizações são motivos para voltar a Comandar o Legislativo e continuar realizando muito mais para a População de Mutuípe. Nos últimos dois anos Junior se aproximou muito dos Vereadores Gil do PT e também da Vereadora Dalva do PSD, os quais acredita-se que apoiarão a candidatura do Edil. Segundo o candidato ele segue articulando com o intuito de conquistar mais votos para consolidar a vitória no dia 28/05, confiante no respeito e na consideração que a maioria dos seus pares depositam na sua pessoa. (VMN)


Na manhã dessa sexta-feira (11), o Deputado Federal, Antônio Imbassahy, esteve visitando a cidade de Laje. Em um bate-papo com o Radialista Walmir Brito, da Rádio Líder FM, o Prefeito, Klédson Duarte (Binho de Mota), e o Deputado destacaram alguns dos recursos encaminhados para Laje, a exemplo de R$800.000,00 em emenda de custeio para a atenção básica, R$600.000,00 para aplicação em pavimentação, o kit Conselho Tutelar (veículo com equipamentos para o Conselho), R$1.000.000,00 para ser aplicado na Saúde, dentre outros. Confira!

Entrevista com Deputado Federal Antônio Imbassahy

Posted by Rádio Líder FM de Laje on Friday, May 11, 2018


Desvinculado da prefeitura de Feira de Santana em abril para concorrer nas eleições deste ano, José Ronaldo (DEM) responderá a um processo de crime de responsabilidade na Justiça de 1° grau. É que a exoneração do cargo de prefeito tira de Ronaldo o foro privilegiado. A decisão que faz com que o processo corra na primeira instância foi publicada nesta quinta-feira (3) no Diário da Justiça Eletrônico. Ronaldo responde a uma ação do Ministério Público sobre favorecimento político na nomeação de uma pessoa que não podia prestar o serviço por não compatibilidade de horário, o que configuraria desvio de dinheiro público também. Respondem pelo mesmo processo a secretária de saúde local, Denise Mascarenhas, e a então beneficiada Luciene Vieira. Com a decisão desta quinta, o processo será julgado pela Vara Criminal da Comarca de Feira de Santana. (BN)


João Henrique anuncia pré-candidatura ao governo do estado

O ex-prefeito de Salvador, João Henrique (PRTB), anunciou pré-candidatura ao governo do estado nesta quinta-feira (26). No vídeo, o político afirma quais são os eixos principais para sua campanha: gestão mais técnica e menos política, maior participação popular no governo e controle social sobre gestão, escolas de qualidade e refeições para alunos, mais barragens e adutoras para o semiárido, além de acesso à água potável e destinação de água para irrigação e a luta contra o desemprego. João Henrique foi considero o terceiro pior prefeito do país em 2012, quando estava à frente da prefeitura de Salvador. (MB)


A ex-presidente Dilma Rousseff disse nesta segunda-feira (16) em evento nos Estados Unidos que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estará na eleição deste ano mesmo que preso. Durante evento chamado “Desafios para a democracia no Brasil”, realizado na Califórnia, ela avaliou que retirar a candidatura dele à Presidência da República seria como admitir que ele é culpado. “Ele estará nessa eleição – preso ou solto, morto ou vivo. Isso não é uma bazófia. É a expressão política de que eu não represento uma pessoa, eu represento uma ideia”, declarou a ex-presidente nos EUA. Ela também criticou o fato de Lula ficar detido sozinho em uma sala na superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. “Não bastaram prender o Lula. Também não querem deixar ele falar”, reclamou. (BN)


Uma pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada neste domingo (15) pelo jornal “Folha de S.Paulo” com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018. Foram feitas 4.194 entrevistas entre 11 e 13 de abril, em 227 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Veja os resultados dos 9 cenários pesquisados no 1º turno: 

Cenário 1 (Se Lula for candidato, Temer ficar fora da eleição e o MDB lançar Meirelles): 

Lula (PT): 31%
Jair Bolsonaro (PSL): 15%
Marina Silva (Rede): 10%
Joaquim Barbosa (PSB): 8%
Geraldo Alckmin (PSDB): 6%
Ciro Gomes (PDT): 5%
Alvaro Dias (Podemos): 3%
Manuela D’Ávila (PC do B): 2%
Fernando Collor de Mello (PTC): 1%
Rodrigo Maia (DEM): 1%
Henrique Meirelles (MDB): 1%
Flávio Rocha (PRB): 1%
João Amoêdo (Novo): 0
Paulo Rabello de Castro (PSC): 0
Guilherme Boulos (PSOL): 0
Guilherme Afif Domingos (PSD): 0
Em branco / nulo / nenhum: 13%
Não sabe: 3%

(VB)


Depois de ser impedido de visitar o ex-presidente Lula, na tarde desta terça-feira (10), o governador da Bahia, Rui Costa, se manifestou sobre o assunto, na frente da sede da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba. ”Ninguém está acima da lei, mas reafirmo que nenhum brasileiro deve ser condenado sem provas por um procurador que inúmeras vezes manifestou sua posição político-partidária e por um juiz que posou dezenas de vezes ao lado de senadores do PSDB”. Rui e outros governadores do Norte, Nordeste e Sudeste foram nesta terça-feira (11) a Curitiba, com o objetivo de encontrar o ex-presidente Lula. ”Hoje, nove governadores foram impedidos de exercer um direito previsto no Código de Execução Penal, segundo o ex-juiz federal e atual governador do Maranhão, Flávio Dino, de visitar o ex-presidente. Vai ficando cada vez mais claro, para o Brasil e para o mundo, que Lula é um preso político de meia dúzia de pessoas da elite brasileira”, afirmou o governador baiano.


Em nota, PT afirma que Lula será registrado como candidato em agosto

Em nota divulgada nesta terça-feira (9), o PT reiterou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua a ser pré-candidato à Presidência pelo partido e que ele será registrado como candidato oficial em 15 de agosto, conforme a legislação eleitoral. No texto, o partido afirma que a prisão do ex-presidente é “ilegal” e um “desdobramento do grande golpe contra a democracia que começou com o impeachment sem crime da presidenta Dilma Rousseff”. A presidente da legenda, Gleisi Hoffmann, atuará como porta-voz de Lula e será a responsável por conduzir negociações com outros partidos a fim de encontrar aliados. O comando do partido foi deslocado para Curitiba enquanto Lula estiver preso.


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregou à Polícia Federal na noite deste sábado (7). Ele deixou a pé a sede do Sindicato dos Metalúgicos do ABC, na cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo, e atravessou a rua cercado por jornalistas e militantes antes de entrar no terreno de outro imóvel, onde estava estacionado um carro da Polícia Federal. O veículo levou Lula até a superintendência da PF na capital paulista. Em seguida, ele foi transportado até o aeroporto de Congonhas, onde foi levado de avião até a sede da Polícia Federal em Curitiba. Houve uma primeira tentativa de permitir que Lula se entregasse por volta de 17h. O ex-presidente chegou a entrar em um carro para deixar o sindicato, mas militantes que o apoiam dificultaram a passagem e impediram a saída do veículo. (BN)