207488

O presidente do Grupo Gay em Santo Antônio de Jesus anuncia pré-candidatura. Raimundo Nonato, 44 anos, mais conhecido como Raí anunciou a reportagem do Voz da Bahia sua pré-candidatura ao cargo de vereador na cidade de Muniz Ferreira onde reside na Rua da Matriz. Militante da inclusão dos direitos das diversidades, Raí informou que há várias eleições tenta pleito e confia que desta vez conseguirá uma cadeira na Casa Legislativa, “tenho apoio de muita gente, da sociedade, dos partidos políticos. Minha plataforma de trabalho é a nossa luta de inclusão”, disse. Assuntos polêmicos foram abordados como o casamento homo afetivo, que para Raimundo, o que importa é a boa convivência e o respeito mútuo, “hoje, com o casamento legalizado é assegurado os direitos ao parceiro. Onde há respeito existe amor e é isso que é importante”, fala salientando que mantem um relacionamento duradouro há mais de 8 anos com seu companheiro. (Voz da Bahia)


JR Cardoso

O vereador Júnior Cardoso deixou o (PR – Partido da República) após muitos anos filiado a sigla, segundo as informações passadas ao Mídia Bahia ao tentar formar o novo diretório municipal, o parlamentar em terceiro mandato em Mutuípe não teve a permissão pela executiva estadual. Júnior deverá migrar para o DEM ou PSB, já que foi convidado pelos dois partidos. Se optar pelo PSB, Cardoso engrossa o grupo de Lúzia Brito que foi em 2015 para a aposição a Carlinhos (PT), ficando com três vereadores na casa legislativa, se escolher o DEM, se juntará a Marcinha e Didi Mocó, formando também um bloco de três vereadores. A decisão deverá ser conhecida pelos mutuípenses até a próxima semana. (Mídia Bahia)


DSCF7764

A direção estadual e municipal do PCdoB se reuniram nesta terça-feira (19) e decidiram manter a pré-candidatura da deputada federal Alice Portugal para a prefeitura de Salvador, “mesmo que sem aliados”. “A candidatura está consolidada no cenário político. Não deve haver dúvida de que nosso projeto para Salvador tem plenas condições de obter êxito e aglutinar amplos setores da população, no decorrer da campanha.

Faremos todos os esforços para que tenhamos uma ampla aliança, mas se, ao final do processo, não for possível, levaremos a candidatura, mesmo que sem aliados”, avaliou o presidente estadual do partido, o deputado federal Daniel Almeida. Alice afirma estar otimista com a possibilidade de migrar para o Executivo – ela está no Legislativo estadual e federal, desde 1995. “Estou disposta e entusiasmada com a ideia de ser candidata e pronta para encarar o desafio.

Vamos para a campanha com nossa aguerrida militância e amplos setores da cidade interessados em uma gestão democrática, com foco no social”, afirmou. O PCdoB terá candidatos a prefeitura em outros quatro grandes cidades baianas além de Salvador: Vitória da Conquista (sudoeste), Juazeiro (norte), Barreiras (oeste) e Itabuna (sul). A meta da legenda é de lançar ao menos 100 candidaturas majoritárias no estado nas eleições deste ano, principalmente em municípios com mais de 100 mil habitantes. (BN)


20150319_105318

O governador Rui Costa (PT) aproveitou a entrega de uma obra de contenção de encosta no bairro de Canabrava, na manhã desta terça-feira (19/1), para responder as críticas sobre a contratação de Ivete Sangalo e Bell Marques para apresentações sem cordas no Carnaval de Salvador. De quebra, Rui aproveitou para criticar a Rede Bahia, grupo de mídia ligado ao prefeito ACM Neto (DEM), pelo que considera uma perseguição com fins políticos, segundo publicação do Metro1. ”Maior investimento da verba do Carnaval vai para a segurança pública. Vamos marcar uma reunião para anunciar as atrações do Carnaval. Todas as atrações que tocaram no réveillon vão tocar no Carnaval. Por que quando questionam isso de cachê só questionam o governo? Por que não questionam o município? O Correio e a Rede Bahia só questionam o governo”, declarou. (BN)


DSCF1273

O deputado federal Antônio Brito (PTB) comentou, na manhã desta terça-feira (19/1), em entrevista ao Metro1, da Rádio Metrópole, em Salvador, sobre a atual situação do município de Jequié, devido a forte rejeição da prefeita Tânia Britto (PP). ”Jequié é uma cidade de importância política, cultural e econômica muito grande para a região sudeste do estado. De fato a situação lá está muito grave, não só política como administrativa e econômica”. Na ocasião, o parlamentar falou sobre sua possível candidatura à Prefeitura da cidade nas eleições deste ano, e explicou que o candidato da sigla ainda não foi definido. ”Nós estamos verificando isso e após o carnaval iremos apresentar um debate importante sobre programa de governo, projeto e discutir o nome que irá capitanear isso. Existem vários nomes políticos que pode liderar esse projeto de recuperação de Jequié”, afirmou. Brito falou, ainda, sobre a candidatura do seu pai, professor Edvaldo Brito, para a Prefeitura de Salvador. ”Nós vamos também discutir a situação do partido em Salvador depois do carnaval. Meu pai está fixado como pré-candidato. Nossa tendência é no campo de apoio ao governador Rui Costa. Quanto a isso não tenham dúvidas, estamos na base do governo”, garantiu. (Marcos Frahm)


20150319_091817

A oposição Mutuípense já sabe que terá como adversário Carlinhos (PT) pela quarta vez, e novamente o desafio de tentar barrar a estratégia do Partido dos Trabalhadores de permanecer no poder, podendo chegar a 20 anos governado o município. Comentários dão conta de que a vereadora Néia (PSD) ou Erasmo do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (SINTRAF), será o vice do grupo de situação, se o embate for em pesquisa muitos já apostam em Erasmo pois tem leveza junto aos agricultores familiares e mais afinidade com o grupo, o atual vice-prefeito Kito (PRB) também já declarou querer continuar vice, mas as pretensões do atual gestor sinalizam para um substituto na vaga, afinal de contas ele nunca foi para duas eleições como o mesmo vice, Cabeça da Ambulância fundou o PROS no município, mas poucos acreditam que ele ou o partido consigam emplacar uma pré-candidatura de vice.


DSCF5260

Em Laje o desenho para as eleições de 2016 já começa a tomar forma, vários nomes para prefeito já são ventilados, entre eles o do vereador Valdir do Gás, Roque do Incra, Binho de Mota, Jorge da Civil, Claudio Lima (Claudinho), Jaqueson Silva, Liu da Ponte (irmão de Everaldo) e do próprio prefeito Emiran já são citados na cidade. Algumas candidaturas já são nat-mortas, outras começão a ganhar forças e muitas reuniões estão sendo realizadas, eventos sociais sendo transformados em atos políticos e por aí vai. A sessão na câmara desta última terça-feira (11), com a presença dos agentes comunitário de saúde e de endemia foi bastante movimentada devido ao pronunciamento da vereadora Nete Argolo, onde a mesma  no uso de sua palavra fez algumas citações que os vereadores de situação não gostaram o que deverá movimentar mais ainda a sessão da próxima semana o que promete muito, por falar em promessa, o aniversário de Roque do Incra neste fim de semana reserva muitas revelações.

20150320_072141

O prefeito Emiran tem a missão de governar e juntar seus aliados para o embate, nesta quarta-feira (12), o mesmo já realizou um encontro para anunciar uma certa quantidade de inaugurações esse ano ainda, comenta-se em mais de 30. Binho de Mota já começa a sua trajetória com mudança de partido e sendo convidado para muitas reuniões, onde carrega em sua missão a junção da oposição lajista, o que tá sendo muito difícil já que duas peças, Valdir e Roque só querem a cabeça de chapa, entre entrevistas, disse-mim-disse, e burburinhos uma coisa é certa, a política na cidade portal do Vale já começou. 

20150318_073414

Fonte: Rádio Líder FM/Laje


viaturas-delegacia-de-mutuipe-460x282

Mutuípe acordou nesta sexta feira (14), sob operação das Policias Civil e Militar, dois mandados de prisão e apreensão foram cumpridos na localidade da Rua Nova. O objetivo da incursão é para frear as rivalidades entre Rua nova e Cajá. Segundo a Delegada Dr.ª Corina Lopes de Oliveira, duas pessoas foram presas, “Elvis” e “Tiririca”. Armas e Drogas foram apreendidas. A operação contou com o efetivo da cidade de Ubaíra comandado por Dr.ª Aline, e os comandados do Capitão Rodrigo Chaves responsável pela 4ª Cia de Policia Militar em Mutuípe. (Mídia Bahia)

 


DSC_0227

O vereador Marcos Muniz conhecido popularmente como Chispita que é filiado ao PSD fez uma defesa bastante firme na sessão realizada na última segunda-feira (10) durante discurso no grande expediente na Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus. O vereador saiu em defesa da Secretária de Saúde do município que está sendo convocada pela Câmara de Vereadores para prestar esclarecimentos sobre a saúde no município. Dos quatorze, oito vereadores assinaram o requerimento convocando a secretária Laurijane Mercês a da explicação sobre a saúde após denúncias feita pelo vereador Uberdan Cardoso (PT). Sobre o que se comenta nos quatro cantos de Santo Antônio de Jesus em relação ao deputado Rogério Andrade, de ser candidato a prefeito, em entrevista ao portal INFOSAJ  o vereador Chispita que é do PSD, partido que o deputado faz parte, comenta qual sua posição caso aja um rompimento político entre o prefeito Humberto Soares Leite e Rogério Andrade. (Redação Líder FM/Laje)


GestoresUPB

Os prefeitos baianos voltam a se mobilizar em Brasília nesta quarta-feira (5) para alertar sobre as dificuldades financeiras enfrentadas após a redução de repasses para custeio. Na programação organizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), os gestores dão entrevista coletiva pela manhã para defender a revisão do Pacto Federativo, depois seguem em caminhada até a Praça dos Três Poderes. Durante a tarde, os prefeitos seguem para audiência com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e com o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB). Os prefeitos reclamam que, com a crise econômica, foram reduzidos os recursos na saúde e na educação. Além disso, o governo federal deixou de cumprir o acordo firmado em 2014 de aumentar em 1% o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O prometido era 0,5% em julho deste ano e a outra metade em 2016, mas as prefeituras receberam no caixa o montante referente apenas ao primeiro semestre deste ano. ”É preciso cumprir o acordo. Nunca vi ano fiscal em seis meses”, reclamou a presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Maria Quitéria. A prefeita de Cardeal da Silva teme que a situação motive demissões, proibição de pagamento de horas extras, cortes salariais e suspensão de contratos. “O receio é de colapso total”, alertou. Algumas das práticas já foram adotadas, por exemplo, pela prefeitura de Caatiba. ”Fiz tudo para reduzir custos e ainda não deu. A gente fez um planejamento e a Secretaria do Tesouro Nacional não cumpriu com o acordo. No mês de julho a receita foi menor que julho de 2014, mesmo com o auxílio. E houve aumento do piso do professor, do agente comunitário, e a receita continua a mesma. A conta não fecha”, relatou o prefeito Joaquim Mendes Júnior. (Bahia Notícias)


75526

A União dos Municípios da Bahia (UPB) está trabalhando com o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Tribunal de Contas da União (TCU) e Corregedoria Geral da União (CGU) para apurar o número de obras federais paralisadas no interior da Bahia. De acordo com a coluna Tempo Presente, de A Tarde, a presidente da UPB e prefeita de Cardeal da Silva, Maria Quitéria (PSB), há o receio de que, no final do ano, os prefeitos paguem o pato pela travada do governo estadual no repasse de dinheiro. Segundo disse em entrevista à cluna, a situação é de muita dificuldade e os repasses de Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em julho caíram 33% em relação a junho.


20150319_105443

No terceiro levantamento do instituto Paraná Pesquisas junto ao eleitorado baiano, divulgado ontem, a gestão do governador Rui Costa (PT) foi avaliada positivamente por 57,1% dos entrevistados em 68 municípios espalhados por sete regiões do estado. Trata-se da primeira sondagem sobre o atual governo, sete meses após o petista assumir o cargo. De acordo com a pesquisa, 36,7% desaprovaram o governo, enquanto 6,4% não responderam. Os números indicam que, na percepção do eleitorado, há um descolamento entre as gestões de Rui Costa e Dilma Rousseff. Com a imagem abalada por escândalos de corrupção e pelas crises política e econômica, a administração da presidente foi bem avaliada por apenas 13,2% dos baianos, enquanto o índice de reprovação foi 84,4%. Percentual considerado alto para um reduto do partido. O instituto também mediu o grau de satisfação dos eleitores em relação à expectativa que tinham sobre o governo Rui Costa.Indagados se achavam a atuação do petista acima, abaixo ou dentro do que esperavam, a maioria, 55%, considerou a performanc

e do governador igual ao imaginado. Para 19,7%, a administração é pior do que pensavam, enquanto 18,6% acreditam que ela é melhor.