Homem suspeito de assassinar ex-namorada em Cachoeira tem prisão preventiva decretada e está foragido

O homem suspeito de matar a estudante da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), em Cachoeira, teve a prisão preventiva decretada na última quinta-feira (28). A vítima Elitânia de Souza da Hora é ex-namorada do suspeito, Alexandre Passos Silva Góes. De acordo com o delegado que investiga o caso, João Mateus, o suspeito é considerado foragido. A jovem de 25 anos era estudante de Serviço Social e fazia um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) sobre feminicídio. Ela já possuía um pedido de medida protetiva contra o ex-namorado.

O crime aconteceu na noite da última quarta (27), quando a jovem foi assassinada a tiros no momento em que saía da universidade. Elitânia era do quilombo Tabuleiro da Vitória, localizado na zona rural de Cachoeira. Uma das lideranças do quilombo afirmou que a jovem já tinha sofrido agressões do ex-companheiro. A estudante foi enterrada na tarde da última quinta. Após o crime, a UFRB decretou luto de três dias. Ainda não há informações sobre o destino do suspeito, que está sendo procurado. Varela Notícias


Comentários

Deixar uma Resposta