Mulher mata outra, esconde corpo em cama box e tenta fugir em carroça

images

Uma jovem de 20 anos foi morta com mais de 50 facadas por uma mulher na tarde desta última quarta-feira (28), em Feira de Santana. O crime aconteceu por volta das 12h, dentro da casa em que as duas moravam, localizada na Avenida Canal, no bairro de Rua Nova. Depois de matar Thaiure Silva de Araújo, a suspeita, identificada como Taise Fortunato dos Santos, 22 anos, escondeu o corpo dentro de uma cama box e contratou carroceiros para fazer o transporte da cama. “Ela não aguentava carregar a cama, que estava muito pesada e, por isso, contratou esses carroceiros.


Eles perceberam que havia algo estranho e os vizinhos também. Depois que eles viram o corpo na cama, a suspeita foi agredida e espancada”, afirmou o delegado Jean Souza, titular da Delegacia de Homicídios de Feira de Santana ao CORREIO. Bastante ferida, Taise foi encaminhada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Geral Clériston Andrade, em Feira de Santana. O flagrante será feito pela Polícia Civil ainda nesta noite e ela permanecerá internada em custódia. O CORREIO não conseguiu contato com a assessoria da unidade médica, mas, segundo o delegado, apesar dos ferimentos e de uma lesão interna, ela não corre risco de morte. Ainda de acordo com o delegado, não é possível afirmar a relação que havia entre vítima e suspeita. “O que apuramos é que elas moravam juntas, talvez tivessem um relacionamento, mas ainda não sabemos”, contou. A polícia não descarta que o crime seja passional. Os carroceiros contratados pela suspeita, vizinhos e familiares da vítima já prestaram depoimento na Delegacia de Homicídios de Feira de Santana, que conduz as investigações. Duas facas apreendidas pela polícia no local do crime foram encaminhadas ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) para a perícia


Comentários

Os comentários estão fechados.