“Padrasto que matou enteado na Urbis 4 em SAJ se apresenta na delegacia e a princípio irá responder em liberdade”; diz delegado

O padrasto, acusado do homicídio do adolescente Pedro Henrique, 15 anos, na Urbis 4, em Santo Antônio de Jesus, se apresentou nesta quarta-feira (18) a 4ª Coorpin. De acordo com o delegado Dr. Adilson Bezerra, o padrasto que estava sendo procurado pela polícia, em companhia de seu advogado, foi ouvido e liberado, pois não havia prisão decretada contra ele no momento ainda.

“A prisão se dá em flagrante ou se tiver alguma cautelar. Como não havia a prisão em flagrante, porque já passou o lapso temporal, nem uma preventiva decretada por um juiz criminal, ele foi ouvido, através do advogado foi apresentado e liberado”, explicou em entrevista concedida a Rádio Clube FM.

Segundo Bezerra, a liberação não significa impunidade, pois o processo ainda não chegou ao fim, ainda será analisado o decreto prisional, feito tanto pela autoridade policial, como também pelo Juiz criminal e Ministério Público criminal.

Caso

O adolescente de 15 anos, Pedro Henrique, foi baleado por arma de fogo pelo padrasto, principal suspeito do crime na noite da terça-feira (10) no bairro Urbis IV em Santo Antônio de Jesus e veio a óbito na manhã da quarta(11) após a cirurgia para tentativa de retirada da bala. (veja aqui).

Voz da Bahia

Comentários

Os comentários estão fechados.