Pernambuco registra primeira cura clínica de Covid-19; mulher tem 66 anos

Foto: Ilustração / Fala! Universidades

Pernambuco registrou a primeira cura clínica de Covid-19, nesta sexta-feira (20/3), em uma mulher de 66 anos . O marido dela, de 71 anos, e outros oito pacientes da doença, permanecem internados, todos com quadro de saúde estável. O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, tem tomado medidas para reduzir os avanços da doença no estado, coo o anúncio de medidas restritivas. Foi decretado que, a partir deste domingo (22/3), o comércio e outros serviços do estado serão fechados, além da paralisação das obras da construção civil. O transporte intermunicipal também será proibido, mas, nesse caso, só a partir da próxima segunda-feira (23/3).

Câmara ressaltou, ainda, que não estão incluídos na lista do novo decreto serviços relacionados à alimentação, como supermercados, padarias, mercadinhos, casas de ração animal, farmácias e depósitos de água mineral e gás, além de obras de serviços essenciais (como hospitais e abastecimento de água, gás, energia e internet). Obras contratadas pelo serviço público de todos os entes federativos também estão mantidas. (Aratu)


Comentários

Os comentários estão fechados.