Vera Cruz: Cratera gigante aumenta e chega a quase 84 metros de comprimento

A cratera gigante que se abriu misteriosamente perto da vila de Matarandiba, na cidade de Vera Cruz, Ilha de Itaparica, aumentou 5,6 metros de comprimento em quase um mês. Agora, a erosão já chega a 83,5 metros de comprimento. A informação é da empresa Dow Química, que atua na área onde o buraco surgiu. De acordo com a multinacional, a cavidade também aumentou de tamanho na largura – de 33 metros, em agosto, para 34,4 metros, no entanto, reduziu na profundidade – de 44,9 metros para 41,2 metros. As causas do fenômeno ainda estão sendo investigadas. A empresa informou, ainda, que estão sendo realizados serviços para que a cerca instalada no local da erosão avance mais 30 metros. Atualmente, a barreira está instalada em um raio de 30 metros.

A reinstalação do equipamento deve ser concluída nas próximas semanas. Também foram instalados no local cinco novos sensores para medir abalos sísmicos. Até então, não foram apresentadas variações. A capacidade de alcance de cada equipamento chega a um raio de 4km, o que cobre toda a Vila de Matarandiba, segundo a empresa. A Dow explica, ainda, que as medições e o monitoramento da erosão são constantes. A transformação gradativa da cratera era prevista e deve continuar até a completa estabilização do terreno. Do ponto de vista técnico, conforme afirma a empresa, a tendência é de que as bordas da erosão fiquem do mesmo tamanho que o fundo dela, e hoje a parte inferior possui ainda perímetro maior do que o das bordas superiores. (G1/Bahia)


Comentários

Os comentários estão fechados.