Vitória empata com o Anapolina e avança na Copa do Brasil

Vitória empata com o Anapolina e avança na Copa do Brasil

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O Vitória empatou em 1 a 1 com o Anapolina-GO, nesta terça-feira (14), no Barradão, e garantiu vaga na próxima fase da Copa do Brasil. O Leão estava atrás do placar até aos até aos 35 minutos do segundo tempo, quando Rogério balançou as redes e deu números finais ao duelo. Com a vaga garantida na próxima fase, o time comandado pelo técnico Claudinei Oliveira vai encarar o ASA-AL em dois jogos. O primeiro será em Arapiraca (AL) e o segundo dentro de casa. As datas ainda serão confirmadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O JOGO

 Duas equipes em crise dentro de campo. O Vitória afastou três jogadores (Neto Baiano, Willie e Nino Paraíba) após a eliminação da Copa do Nordeste, enquanto o Anapolina dispensou sete atletas. O time goiano teve um desempenho pífio no Campeonato Goiano e quase acabou rebaixado.

Principal organizada do Vitória, a torcida “Imbatíveis” não compareceu nas arquibancadas do Estádio Manoel Barradas, em protesto a situação do clube.

A partida começou morna com as duas equipes se estudando e jogadas travadas no meio-campo.

A primeira boa oportunidade da partida veio aos dez minutos. Jacó, do Anapolina, chutou de muito longe e Fernando Miguel foi obrigado a fazer a defesa em dois tempos.

Aos 14, o técnico Rogério Corrêa ganhou um problema. O lateral Neto Pierin sofreu uma lesão e precisou ser substituído. Com isso, o treinador colocou o meia Sandrinho no time.

Vitória cria chances

O Vitória só veio despertar aos 17 minutos. Jorge Wagner cobrou escanteio no meio da área e a bola sobrou para Ednei. Na pequena área, o defensor tentou finalizar, mas desviou no jogador do Anapolina e saiu pela linha de fundo.

Na sequência,  em outra cobrança de escanteio, Luiz Gustavo subiu e desviou na direção do gol. Thiago fez grande defesa e evitou o gol.

Pedro Oldoni abre o placar

Após a entrada de Sandrinho, o Anapolina ganhou velocidade no setor ofensivo e começou a dominar as ações da partida.  Até que aos 33, o meia fez o cruzamento, a bola desviou e sobrou com Pedro Oldoni na área. O atacante do Anapolina tentou de letra, errou, ficou com a bola e chutou. Ele acertou o canto do gol defendido por Fernando Miguel e saiu para comemorar.

Depois do gol, o Vitória se abateu e o Anapolina quase chegou ao segundo gol.  Aos 35, Felipe Brisola apareceu na entrada da área com a bola dominada e chutou forte. Fernando Miguel defendeu com tranquilidade.

Aos 41, Sandrinho fez ótima jogada pela esquerda e deixou Felipe Brisola com liberdade na grande área. O meia chutou em cima de Ednei e desperdiçou a chance de ampliar o placar.

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Segundo tempo

No intervalo, o técnico Claudinei Oliveira realizou uma mudança tática. Ele sacou o lateral Romario e colocou em campo o meio-campista Escudero. Com isso,  o volante Luiz Gustavo passou a fazer a função na lateral direita.

Diferentemente do primeiro tempo, o Vitória iniciou a etapa final tomando iniciativa do jogo. Aos quatro, Jorge Wagner cobrou falta com muito veneno, a bola tocou na barreira e saiu pela linha fundo.

Aos cinco, depois de jogada trabalhada pela esquerda, a bola foi cruzada e Rhayner cabeceou no susto. A bola passou por cima da meta de Thiago.

Leão tenta pressionar

O Vitória começou a se soltar na partida e chegar com mais ímpeto na área do Anapolina. Aos 11, Escudero cobrou falta na área, Amaral se antecipou ao zagueiro do Anapolina e cabeceou. A bola passou pro cima, muito perto do gol defendido por Thiago.

Leão chega ao empate
Aos 35 minutos, o Vitória conseguiu chegar ao empate. Fernando Miguel acertou um chutão na bola, Rhayner desviou a redonda e sobrou para Rogério, que chutou de primeira e balançou as redes.

FICHA TÉCNICA:

Vitória x Anapolina

Copa do Brasil – 1ª fase

Local: Barradão, em Salvador

Data: 14/04/2015

Horário: 19h30

Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro de Júnior (CBF-PE)

Auxiliares: Albino Andrade Albert Júnior (CBF-PE) e Elan Vieira de Souza (CBF-PE)
Cartões amarelos: Luiz Gustavo, Vander e Ramon (Vitória); Marcelo Ferreira, Leandro, Lucas e Felipe Baiano (Anapolina).
Gols: Pedro Oldoni (Anapolina); Rogério (Vitória)

Vitória: Fernando Miguel; Romário (Escudero), Ednei, Ramon e Mansur; Luiz Gustavo, Amaral, Jorge Wagner e Vander (Rogério); Rhayner (Marcelo) e Elton. Técnico:Claudinei Oliveira.

Anapolina-GO:Thiago; Marcelo, Cris, Jacó e Da Silva; Neto Pierin (Sandrinho); Johnathan, Leandro (Lucas), Felipe Baiano e Felipe Brisola (Willian);  Pedro Oldoni. Técnico: Rogério Corrêa. (BN)


Comentários

Os comentários estão fechados.